Blog de Notícias

Roubo de cabos Ação na Zona Norte do RJ prejudica condomínio

Segundo eles, ação dos bandidos é diária e prejudica inclusive o trabalho remoto durante a pandemia. Câmeras de segurança flagraram furto de sinal de trânsito

Moradores do Maracanã, na Zona Norte do Rio, reclamam de furtos de cabos de energia e telefonia. Segundo eles, o problema é antigo, mas com a pandemia se intensificou. A ação dos bandidos, segundo eles, acontece diariamente.

Uma das ruas mais atingidas pela ação dos bandidos é a Ibituruna.

Síndico de um prédio no Maracanã, Marcelo Soares conta que a ação de bandidos já é conhecida da vizinhança.

“É recorrente, desde que começou a pandemia. Uma coisa que era muito difícil de acontecer virou rotineira. Diariamente, eles vêm. Dia após dia, roubando cabos. Roubam e a gente fica sem o serviço. Essa que é a verdade”.

Normalmente, os roubos são de cabos telefônicos, mas há relatos também de furtos de cabos de luz. Com isso, moradores ficam sem internet, telefone, televisão e luz.

E com a pandemia, mais pessoas estão em casa, inclusive trabalhando em home office. Sem sinal, muitos moradores não conseguem trabalhar.

Segundo Marcelo, mesmo com patrulhamento e com registros feitos pelas câmeras de segurança, os bandidos conseguem fugir.

“O patrulhamento até acontece, mas eu acho que é um pouco falho porque os caras conseguem o objetivo, que é roubar os cabos. Eles conseguem fazer a festa e a polícia, uma vez, conseguiu prender uma dupla e só. A gente fica à mercê deles”, diz Marcelo.

Furto de sinal de trânsito

Também na Zona Norte, câmeras da CET-Rio flagraram, no dia 24 de julho, o furto de sinal de trânsito na esquina das ruas Professor Manuel de Abreu e Professor Eurico Rabelo.

Segundo a CET-Rio, o furto de equipamentos semafóricos pode deixar cruzamentos apagados, colocando em risco a segurança de motoristas e pedestres.

O prejuízo anual chega a R$ 320 mil.

O que diz a PM

Em nota, a PM informou que mantém patrulhamento constante na região e que essa ação normalmente é praticada por pessoas em situação de vulnerabilidade. A corporação pede que os moradores acionem a patrulha sempre que houver um furto para tentar coagir a ação dos criminosos. Confira abaixo a íntegra da nota.

“A Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar esclarece que o combate aos delitos de roubos e furtos de equipamentos urbanos, fios, cabos, placas, portões etc é feito por meio de patrulhamento ostensivo de rotina e na atuação diante de situações de flagrante.

Vale esclarecer que muitas dessas ações são cometidas por indivíduos em situação de vulnerabilidade, que vivem expostos nas ruas, e que a prática delituosa somente é constatada quando em flagrante ou quando há identificação dos envolvidos após abertura de procedimento investigativo, conduzido a partir de registros de ocorrência e análises de imagens captadas por câmeras de segurança.

É importante ressaltar que, ao presenciar um delito, o cidadão faça o acionamento via Central 190 assim que possível, para que sejam realizadas as ações imediatas por parte de nossas equipes.”

Notícia Anterior
AABIC abre inscrições para associação de síndicos
Próxima Notícia
Advogado acusado de ameaçar porteira é expulso de condomínio de luxo em Cuiabá

Últimas Notícias

Menu
error: Conteúdo Protegido !!
X