Blog de Notícias

Orquestra sinfônica faz ‘delivery’ de concertos em condomínios de Cascavel

Segundo o grupo, apresentações gratuitas têm duração de 30 minutos e buscam aproximar o público da música, seguindo os protocolos sanitários, em tempos de pandemia

Olhares curiosos surgiram nas janelas e sacadas após a Orquestra Sinfônica de Cascavel, no oeste do Paraná, começar a tocar no condomínio de um prédio da cidade.

Desde o inicio da pandemia do novo coronavírus, a orquestra fez três apresentações no Teatro Municipal. Uma foi sem público e duas com plateia reduzida.

Agora, elas têm sido ao ar livre e em espaços diferentes do comum.

“O objetivo é trazer um sentimento bom para quem está em casa, está se cuidando. Para tornar esse momento um pouco mais leve, na medida do possível”, contou a oboísta Kethlin Milani.

Sem ter como voltar aos grandes eventos, a ideia foi aproveitar um sistema que se tornou ainda mais comum nesse momento: o delivery.

Conforme o grupo, é só ligar e pedir pela apresentação que eles se organizam para estar em qualquer condomínio da cidade.

A apresentação não tem custo e tem duração de 30 minutos.

“A oportunidade que a gente tem de estar entregando a música no conforto do lar das pessoas, assim como a gente queria estar entregando no nosso lar, que é o Teatro Municipal de Cascavel, mas, infelizmente, isso vai mais um tempo ainda”, disse a pianista Fabiola Lauxen.

De acordo com a equipe, 60 músicos fazem parte da orquestra, mas para esse modelo de concerto apenas 20 músicos são chamados, pois é preciso evitar aglomeração.

Nesse caso, é feito um rodízio para todos os músicos participarem.

“É uma experiência nova, diferente. Porque como a gente sempre toca no palco, a gente tem uma percepção do público de um jeito e aqui é diferente, aqui é tudo ao ar livre”, revelou o violinista Willian Narciso.

O público ouviu atento, interagiu e aprovou o novo modelo de apresentação.

Segundo o morador Sergio Rocha, foi bom ouvir de novo uma boa música ao vivo.

“A partir do início da pandemia, nunca mais assistimos, não tivemos mais a oportunidade e ficamos muito felizes de podermos prestigiar essa maravilhosa orquestra.”

Notícia Anterior
Tudo que o síndico precisa saber sobre infiltração no condomínio
Próxima Notícia
Com tramitação a jato, SP quer aprovar projeto de retrofit de prédios do centro nesta sexta

Últimas Notícias

Menu
error: Conteúdo Protegido !!
X