Blog de Notícias

Golpe: companhias telefônicas. Criminosos enviam cartas a condomínios oferecendo benefícios

Uma nova tentativa de golpe para invadir condomínios e residências está surgindo por aí, desta vez com criminosos oferecendo benefícios para serviços de TV por assinatura ou internet em nome de grandes operadoras de telefonia.

Eles enviam cartas timbradas das companhias via Correio em nome dos empreendimentos ou mesmo dos apartamentos, informando que “está na hora de trocar o modem” ou “substituir o amplificador de sinal para um mais atual”.

Ao final da carta, deixam um número de telefone para o cliente agendar a visita do técnico. Sem a ciência disso, a pessoa liga para um telemarketing falso permitindo a entrada do suposto “especialista” no condomínio ou apartamento. 

SíndicoNet teve acesso ao modelo da carta, que foi enviada em nome da Claro para um condomínio no bairro Higienópolis, em São Paulo, o qual sequer possui o serviço da companhia contratado oficialmente. Além de estipular data, horário e tempo para o atendimento, o documento também menciona, em texto escrito à mão, nome do suposto responsável e número de RG. 

Atenção!

Ao receber qualquer contato, seja impresso ou virtual, com esse tipo de conteúdo suspeito, ligue para o telefone da central da companhia que o condomínio mantém contrato firmado. Procure o contato correto no site oficial da empresa, e então, confirme a informação

Nas redes sociais, Jorge Lordello, especialista em segurança e pesquisador criminal, fez um vídeo para orientar seguidores sobre como lidar e agir nesses casos.

“Tenha muita atenção com qualquer tipo de carta que receber de alguma empresa pública ou privada querendo dar algum benefício, pois este está sendo o modus operandi para assaltos a condomínios e residências”, disse. 

Porteiros ou zeladores

  • Ao receber uma carta de conteúdo duvidoso, como, por exemplo, de uma empresa que não atua no condomínio, comunique os moradores destinatários e alerte sobre a possibilidade de golpe;
  • Avise o síndico imediatamente.

SíndicoNet tentou contato com operadoras de telefone e internet, como Claro/NET, Vivo e Tim, mas não obteve resposta até o momento desta publicação. 

Assista ao vídeo de Jorge Lordello sobre o tema:

 
 
 
 
 
Ver essa foto no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Uma publicação compartilhada por Jorge Lordello Dr Segurança (@jorgelordellooficial)

Notícia Anterior
A atriz que está sendo cobrada por condomínio atrasado no Leblon
Próxima Notícia
Dois jovens são presos em Angra dos Reis após PM encontrar drogas escondidas em hidrômetro

Últimas Notícias

Menu
error: Conteúdo Protegido !!
X