Blog de Notícias

Carnaval da Anitta e Gkay Justiça suspende festa que seria em condomínio da BA

Chamado de “Plano B do Carnaval”, evento era realizado em uma mansão, no litoral de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. Multa por descumprimento é de R$ 50 mil por dia

A Justiça da Bahia determinou a suspensão da festa chamada de “Plano B do Carnaval”, que seria realizada em uma mansão, dentro de um condomínio de luxo no litoral de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador. O evento tem como “embaixadoras” a cantora Anitta e a influenciadora digital Géssica Kayane, a Gkay.

A medida foi tomada após um pedido do condomínio onde fica a mansão. Nesta sexta-feira (18), o g1 entrou em contato com a assessoria da organização da festa e aguarda um posicionamento. A Justiça também estabeleceu pena de multa diária de R$ 50 mil, caso o evento seja realizado.

O “Plano B do Carnaval” já teve atrações nos dias 16 e 17, e teria também nesta sexta e nos dias, 26, 27 e 28 de fevereiro, além de 1º e 2 de março.

Por meio de nota, a administração do Condomínio Busca Vida informou que entrou na Justiça porque o local fica em uma área de proteção ambiental (APA), e este é o período de defeso e desova das tartarugas marinhas nas praias do condomínio.

Com isso, a estrutura do evento tem “potencial para comprometer o ciclo de desova das tartarugas marinhas”. O condomínio também citou o prejuízo à segurança, o sossego, a saúde dos vizinhos. A estrutura conta com palcos, caixas acústicas e iluminação difusa, além da presença de artistas e influenciadores digitais, como Pequena Lo e Rafa Uccman.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA

Notícia Anterior
Condomínios se queixam de mudanças no cálculo do consumo de água
Próxima Notícia
Privacidade no apartamento Vizinha pede para homem parar de andar de cueca em casa

Últimas Notícias

Previsão do Tempo

Menu
error: Conteúdo Protegido !!
X