Blog de Notícias

Rachaduras em condomínio de Mogi das Cruzes são preocupantes

Problema foi detectado na fachada de um dos sete blocos. Construtora afirma que está em contato com a equipe técnica pra avaliação do caso.

Os moradores do Condomínio Azaleia, localizado em Mogi das Cruzes, estão preocupados com rachaduras na fachada de um dos sete blocos. 

Elias Oliveira diz que, além das rachaduras, pedaços da estrutura começaram a cair. Ainda de acordo com o morador, o condomínio tem outros blocos nessa situação.

Oliveira também diz que o residencial nunca passou por vistoria e não tem laudo de vistoria do Corpo de Bombeiros. Segundo o morador, a síndica chegou a ser avisada dos problemas, mas nenhuma atitude foi tomada. Outra preocupação dele e de outros vizinhos é porque a maioria é muito pobre e não tem para onde ir.

O morador informou ainda que um representante da administradora do condomínio, a Ampla Administradora, foi até o residencial e disse que vai iniciar um trabalho de manutenção.

A Defesa Civil de Mogi das Cruzes informou que uma equipe será encaminhada para fazer uma vistoria no imóvel solicitado. O órgão orienta ainda que solicitações como esta podem ser feitas por meio da ouvidoria municipal, pelo telefone 156. Para casos de emergências, o telefone é o 199.

A Prefeitura de Mogi lembra ainda que a responsabilidade sobre a construção e o acompanhamento de possíveis problemas estruturais de condomínios do programa Minha Casa Minha Vida, como o citado, é da Caixa Econômica Federal, até que os contratos de financiamento se encerrem e as famílias se tornem efetivamente proprietárias das unidades.

O morador confirmou que a vistoria já foi feita pela Defesa Civil. Um laudo foi entregue aos moradores e diz que não havia risco iminente no momento da vistoria.

No documento , a Defesa Civil diz também que os moradores do bloco foram orientados a realizar manutenção ou reformas internas acompanhadas de um profissional habilitado da área de engenharia.

Já a Caixa Econômica informou apenas que o residencial “Conjunto Azaleia” foi contratado pelo programa Minha Casa Minha Vida” e entregue em agosto de 2012 pela construtora incorporadora Faleiros, responsável pela obra.

A construtora informou que a empresa está ciente do ocorrido citado e já está em contato com a equipe técnica pra avaliação do caso.

COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA

Notícia Anterior
Setor de mercadinhos de condomínios aumenta mais de 500% no Paraná
Próxima Notícia
Taxa condominial – Volume de ações por inadimplência em SP sobe 7,7% em junho

Últimas Notícias

Previsão do Tempo

Menu
error: Conteúdo Protegido !!
X